A força feminina no esporte

A força feminina no esporte

As Olimpíadas já acabaram, mas se teve algo que ainda está ressonando desde o fim do evento é a presença feminina no pódio e ativa em todas as disputas. Pois bem, vem aí um espetáculo que contará a história da mulher brasileira no esporte olímpico. Joanna Maranhão, da natação, Isabel do Vôlei, e Rosinha Santos, do arremesso de peso paralímpico, são algumas esportistas que serão retratadas em “Mulheres no pódio”. “É uma forma de homenagear essas guerreiras e construir um país sem estereótipos de gênero, raça, deficiência e orientação sexual. É apostar na igualdade no esporte”, disse a pedagoga Schuma Schumaher, supervisora do espetáculo e militante feminista, em recente entrevista para o jornal O Globo. A montagem estreia dia 10 de setembro, no Parque das Ruínas. Força, mulheres!

3 dicas operacionais para os cariocas durante as Olimpíadas

3 dicas operacionais para os cariocas durante as Olimpíadas

1 – Os Correios informaram que desde a semana passada os serviços com horário limite de entrega para o Rio ficarão suspensos até 18 de setembro deste ano. A estatal diz que o motivo são os Jogos Olímpicos e Paralímpicos que interditarão ou colocarão restrições de acesso em diversas ruas. Não será possível mandar Sedex 10, Sedex 12 e Sedex Hoje durante quase dois meses para a capital fluminense. Os cariocas que moram no entorno de vias públicas próximas às arenas e provas de rua também ficarão sem a entrega e a coleta domiciliar de todos os tipos de correspondências. Quando o destino for essas localidades, os Correios não receberão encomendas e malotes de qualquer lugar do Brasil.

2 – Quem dirigir pela faixa olímpica levará multa. As faixas dedicadas aos Jogos passarão a operar no dia 31 e serão de uso exclusivo de veículos da família olímpica. São 164 quilômetros de vias sinalizadas com uma faixa verde contínua ou tracejada e a marca Rio 2016. Já as faixas compartilhadas, que terão 36 quilômetros de extensão, permitem o tráfego de qualquer veículo, mas os motoristas devem dar preferência ao fluxo da família olímpica. Estarão apenas com marca Rio 2016.

3 – O aplicativo de transporte Uber anunciou novas funções voltadas para atender aos milhares de turistas que chegarão à cidade para as Olimpíadas. Uma das ferramentas é o chamado SafetyNet, que permite que o usuário compartilhe seu trajeto com uma rede de contatos pré-selecionados — como amigos e familiares. A ideia é tornar as viagens mais seguras. Vale para cariocas também!

Pin It on Pinterest